Não há uma solução única e universal, capaz de servir os vários requisitos das múltiplas farmácias portuguesas. Contudo, para efetivamente maximizar o potencial do espaço disponível na farmácia, devem ser tidos em consideração certos pontos-chave que fazem toda a diferença no resultado. Descubra como remodelar uma farmácia de pequena dimensão, neste artigo!

Como remodelar uma farmácia pequena: que pontos-chave devo considerar?

Como remodelar uma pequena farmácia? Ora, qualquer projeto de remodelação deve ser abordado de forma adequada e resoluta. Isto requer a prévia definição de objetivos e metas. Esta prática é o princípio para uma remodelação bem-sucedida, com vista à obtenção de maior produtividade e índices de elevada eficiência e lucratividade. Assim, de forma a obter os resultados pretendidos, é importante seguir os seguintes pontos-chave:

Definição de um layout adequado à dimensão da farmácia

Em primeiro lugar, o layout da farmácia deve ser devidamente pensado. Para saber como remodelar, é necessário focar na reconfiguração do espaço existente. Isto é: criar uma estratégia que coloque a experiência do utente como objetivo central. Nesta fase, a definição de restrições orçamentárias também deverá ser considerada.

Depois, optar por colocar menos gôndolas e mais lineares não é mal pensado. Em espaços pequenos, o uso de espelhos pode ampliar o espaço, assim como uso de cores claras (tanto no pavimento, quanto no teto). Grandes janelas e espaços abertos também contribuem para este fim.

Outra sugestão, são balcões de atendimento um pouco mais estreitos que os usuais. Porém, com mais divisórias e gavetas em seu interior, eles terão o mesmo aproveitamento que os típicos balcões de atendimento implementados nas farmácias.

Cuidada consideração sobre a iluminação e a cor do espaço

Em segundo lugar, é fundamental realizar uma cuidada consideração sobre a iluminação e as cores predominantes no espaço. Para além da qualidade estética, estes são elementos que influenciam a perceção dos utentes e dos profissionais de saúde da farmácia. Já ouviu falar na psicologia das cores? Pois é! A cor é um elemento com efeitos imediatos na forma como o espaço é percecionado. Cores quentes, embora confortáveis e acolhedoras, podem ter um efeito redutor no espaço, enquanto que cores frias conferem maior amplitude ao ambiente da farmácia. Neste sentido, numa farmácia de pequena dimensão, a utilização excessiva de texturas e padrões deve ser evitada, sob pena de conferir ao espaço um excesso de informação visual que acaba por confundir o visitante!

De qualquer forma, embora visualmente agradável, o design de interiores da farmácia deverá ser funcional e eficiente. Objetivo facilmente alcançável com o apoio de profissionais especializados que sabem como remodelar qualquer farmácia!

Produção e instalação de lineares à medida

Em espaços pequenos, lineares à medida são de extrema utilidade. Neste sentido, uma boa sugestão é ter gavetas grandes na parte inferior para armazenar ainda mais produtos e facilitar o acesso aos mesmos.

Este tipo de solução permite um melhor uso do espaço vertical da farmácia. A colocação de prateleiras mais altas está aliada ao mesmo conceito.

Não sabe como remodelar?

Contar com uma equipa de profissionais experientes e competentes para a concretização do projeto de remodelação da sua farmácia é a forma mais simples de certificar o cumprimento de metas. Neste sentido, vale a pena considerar a contratação de uma equipa multidisciplinar, com experiência comprovada no desenvolvimento de projetos de remodelação para farmácia. Uma equipa como a MEDD, com profissionais que atendem às suas necessidades e garantem o sucesso da remodelação da sua farmácia. Conte connosco!

Delegue a profissionais do setor, conte com a MEDD!

 Peça já o seu orçamento   »»»

Contacte-nos!

Quer ter acesso às novidades?

Quer ter acesso às novidades?